Sempre alerta

Esta semana consegui tirar tempo para fazer uma faxina na minha máquina de casa e finalmente consegui instalar o Ubuntu Dapper Drake. Esta versão ainda é experimental (deve ser lançada oficialmente em junho deste ano) e meu principal motivo para deixar meu Debian Stable de lado e me “arriscar” com ela tem um nome: XGL/Compiz.

Esses dois seres digitais já estão famosos depois de um vídeo que foi divulgado pela Novell há algum tempo. Eles transformaram minha área de trabalho plana em um fascinante desktop 3D com todo tipo de efeitos visuais. Fiquei tão boquiaberto que coloquei meus dois principais projetos para posar para a foto.

XGL/Compiz

Este do lado esquerdo (e passando um pouco para o lado direito) é o Motiro, e o outro é o EclipseFP.

Eu já disse que o Ubuntu tem versões diárias? Isso mesmo: todo dia a uma certa hora é feito um build com todas as alterações feitas nas últimas 24 horas. Esse build é disponibilizado para o público e qualquer um pode baixá-lo e queimar seu CD em casa com tudo de mais quente que foi incorporado nos últimos tempos.

Imagine o trabalho que dá para fazer isso. É preciso que toda a equipe esteja muito bem sintonizada, que o processo de build seja extremamente padronizado e, principalmente, é preciso poder confiar no build. Apesar dessas versões diárias serem experimentais e todos que optam por usá-las serem exaustivamente avisados, é relativamente seguro usá-las. Você pode observar alguns comportamentos esquisitos (como os efeitos de transparência do meu XGL que parecem estar ausentes), mas nada crítico.

Esta prática de disponibilizar as mais quentes novidades para o público não é nova. Ela existe mais ou menos desde o início dos tempos e hoje é usada por vários projetos bastante conhecidos como Eclipse, Debian e Firefox (além do Ubuntu, claro). Se você puder fornecer a seu público builds fáceis de instalar em um bom ritmo, ele vai te retribuir com críticas, comentários e sugestões de melhoria no mesmo ritmo. Além disso, se você já estiver fazendo isso todo dia, pode poupar muita dor de cabeça na hora do release.

Estar sempre alerta não é bom só para os escoteiros.



%d blogueiros gostam disto: